Início » Quase 100 migrantes morreram ou desapareceram no Mediterrâneo em 2024

Quase 100 migrantes morreram ou desapareceram no Mediterrâneo em 2024

por Daiane Giesen
195 visualizações

Quase 100 migrantes morreram ou desapareceram no Mediterrâneo central e oriental desde o início de 2024, mais que o dobro do número registrado no ano passado durante o mesmo período, disse a agência de migração da ONU nesta segunda-feira (29).

O comentário foi feito durante uma Conferência Itália-África em Roma, na qual participaram mais de duas dezenas de líderes africanos e funcionários da União Europeia para discutir os laços econômicos e formas de conter a migração ilegal para a Europa.

“O último registro de mortes e desaparecimentos é um lembrete claro de que uma abordagem abrangente que inclua caminhos seguros e regulares. É a única solução que beneficiará tanto os migrantes como os Estados”, disse Amy Pope, diretora-geral da Organização Internacional para as Migrações (OIM).

Publicações Relacionadas

Receba nosso Informativo

Informação de Contato
656415
© 2023 - Grupo Ceres de Comunicação - Todos os direitos reservados. | Política de Privacidade