Início » Espumoso busca alternativas para amenizar impacto das fortes chuvas

Espumoso busca alternativas para amenizar impacto das fortes chuvas

Administração municipal tramita auxílio emergencial no valor de R$3 mil para famílias atingidas

por Tainá Binelo
136 visualizações

Desde o início da última semana, a comunidade gaúcha vem sofrendo com o impacto das fortes chuvas que devastaram o Rio Grande do Sul. Os dados do último boletim da Defesa Civil, divulgado na manhã desta segunda-feira, 06, apontam que o número de mortos subiu para 83, enquanto 111 pessoas seguem desaparecidas. Ainda, o relatório contabiliza 345 municípios atingidos pelos temporais, com mais de 850 mil afetados. O estado contabiliza 21.957 desalojados. Além disso, o levantamento aponta que 19.368 estão temporariamente em abrigos e há 276 feridos.

Em Espumoso, região norte, os efeitos da crise climática também foram sentidos. Prefeito do município, Douglas Fontana comenta sobre as ações para enfrentamento dos mesmos.  “Quando há excesso de chuva, os rios sobem e acabam gerando transtornos. Então sim, tivemos alguns pontos de alagamento, mas agora as águas já baixaram bastante. Os bairros Martini, Paraíso, São Jorge, União e Santa Júlia foram os mais castigados, onde tivemos que retirar mais de 120 pessoas das suas casas. Infelizmente, a maioria das coisas foram perdidas, já que a água subiu muito rápido, mas eles foram levados para albergues municipais, procurando dar toda assistência, além de vários terem ido para casas de parentes e amigos”, aponta.

O interior do município também foi atingido, mas, segundo Fontana, medidas já foram tomadas para amenizar os estragos. “Felizmente, nenhuma ponte grande acabou caindo. Tivemos problemas com as pequenas, que muitas se foram, principalmente as de madeiras, e que teremos que refazer. Espumoso tem em torno de 2 mil quilômetros de estrada de chão, então isso também influenciou no grande impacto. Agora, seguimos para o segundo passo, a reconstrução. No interior já estamos mobilizados, organizados. Vamos procurar ir arrumando as estradas para cada localizada ter como sair, ter como transitar, mesmo que daqui a pouco a gente tenha que fazer uma volta. Temos que fazer a parte mais ‘grossa’, para pelo menos dar o mínimo de trafegabilidade. Depois a gente volta para um trabalho mais fino e deixamos como elas estavam”, comenta. 

A equipe para auxiliar na recuperação da cidade é formada por servidores e mais de 120 voluntários da comunidade. “Temos aqui uma notícia maravilhosa que é a da solidariedade. Os grupos estão mobilizados e contam também com servidores, cargos de confiança e todos estão ajudando muito. As pessoas estão perdendo tudo e a gente só consegue imaginar a dor, perdem até as memórias, as histórias, tudo vai embora. Por isso fica aqui o meu apoio também, principalmente as cidades a margem do Rio Taquari”, ressalta o prefeito. 

Como uma forma de ajudar os munícipes, já está tramitando um auxílio emergencial proposto pela administração municipal de Espumoso. “Vamos tirar dos nossos cofres esse valor, buscando atender cada família com R$3 mil reais. É uma quantia que a gente considera expressiva, um bom valor. Com ele, poderão comprar material escolar, itens de limpeza, higiene, um fogão, uma geladeira, para dar o start, né? Além disso, vamos, imediatamente, buscar recursos estaduais e federais, para ajudar a suprir essas necessidades. Começamos imediatamente para amenizar, mitigar o sofrimento e dar melhoras gradativas, passo a passo, com paciência, planejamento e serenidade”, finalizou o gestor. 

Publicações Relacionadas

Receba nosso Informativo

Informação de Contato
656415
© 2023 - Grupo Ceres de Comunicação - Todos os direitos reservados. | Política de Privacidade